10 filmes para assistir antes do vestibular

1 – O ano em que meus pais saíram de férias – 2006

O filme narra a história de uma criança de 12 anos, que adora futebol e, na Copa de 1970, vê o seus pais, militantes políticos, terem que fazer uma “viagem forçada”. Como define Cesar, é uma bela e comovente narrativa sobre uma criança em meio ao duro regime militar no Brasil.

2 – Os miseráveis – 2012

O filme se baseia na obra homônima de Victor Hugo, publicada em 1862. Na trama do grande dramaturgo francês, a Paris do início do século XIX, aparece cheia de mendigos, fétida, insalubre e prestes a se rebelar contra a tirania dos reis absolutistas.

3 – O menino do pijama listrado – 2008

A trama se passa quase toda em um campo de concentração nazista, durante a Segunda Guerra Mundial. É um filme muito interessante porque mostra os horrores do holocausto a partir da amizade de uma criança judia e outra alemã.

4 – Lincoln – 2012

A história se passa na guerra da Secessão. É uma boa pedida para quem deseja conhecer a trajetória dos EUA no século XIX.

5 – Guerra de Canudos – 1197

A trama traz como pano de fundo o drama de uma família dividida entre acompanhar Conselheiro na sua marcha ou continuar submetida à condição de miséria.

6 – O pianista – 2002

Esta bela produção é uma ótima oportunidade para conhecer um pouco mais sobre a Segunda Guerra Mundial e o Holocausto. É uma obra didática, pois aborda todas as etapas do extermínio nazista.

7 – O nome da rosa – 1986

Este filme proporciona ao espectador uma imersão na Idade Média. A trama é importante por retratar o período do Renascimento, movimento cultural que irá resgatar valores antropocêntricos e racionais que entraram em choque com o teocentrismo e o dogmatismo da Igreja Católica.

8 – Adeus, Lenin! – 2003

O filme aborda, por meio do olhar de um jovem, a queda do Muro de Berlim e a reunificação da Alemanha, enfatizando a derrocada da Alemanha Oriental.

9 – Pão e rosas – 2000

Este filme aborda as questões que envolvem os imigrantes na sociedade norte-americana, com destaque para os mexicanos, que sofrem com a precarização das relações de trabalho, típica do neoliberalismo. A produção também mostra como a fragilidade da organização sindical torna esses grupos ainda mais vulneráveis ao cenário da superexploração.

10 – Nascido em 4 de julho – 1989

Este filme tem a Guerra do Vietnã (1959 a 1975) como pano de fundo. A trama inicialmente exalta o “American way of Life” (estilo americano de vida), para depois fazer uma crítica contundente a esse modelo. A narrativa expõe os problemas das relações geopolíticas que a nação constituía, permeadas pelas questões dramáticas às quais os soldados eram submetidos na guerra.